Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2020

Catavento na FIART

Imagem
Esta semana acontece a 25º Feira Internacional de Artesanato – FIART. O evento, que é realizado anualmente durante o mês de Janeiro, é uma das grandes atrações para os mais de meio milhão de turistas que visitam a cidade neste período. Nesta edição, a FIART terá como tema “Inspiração e Arte, Negócios e Tradição”, referenciando a importância do evento que há um quarto de século coloca o artesanato potiguar em evidência e valoriza os talentos que transforma a criatividade e a tradição em bons negócios. Uma escolha que simboliza uma combinação entre o evento e a arte popular, que resultam em talento, oportunidades, tradição e retorno. As áreas do evento serão divididas por categorias e ao todo serão 6 salões especiais: Elementos, Bordados, Arte Popular, Cerâmica, Cestaria e Salão Nacional, e haverá uma premiação especial para a Melhor Peça de Artesanato, em cada salão, escolhida por um júri de especialistas e referenciada pelo público visitante da FIART. Em parceria com

Ele transforma sacos de ração em bolsas para ajudar animais de rua

Imagem
Wallace de Almeida é um empreendedor que gosta de fazer o bem. Há alguns anos, ele contribuía para um projeto social que servia refeições para moradores de rua no Rio de Janeiro. Durante o trabalho voluntário, ele percebeu que muitos tinham animais de estimação. Querendo ajudar também esses cachorros e gatos, o carioca teve a ideia de pegar sacos de ração vazios e transformá-los em bolsas. Wallace de Almeida, fundador do SustentaCão (Foto: Reprodução/Instagram) Antes de criar o projeto SustentaCão, Almeida já sabia um pouco de costura. Para "testar" sua ideia, criou a primeira bolsa para sua noiva. Após ela fazer compras no supermercado e não ter problemas, Almeida levou seu projeto adiante. Em julho de 2019, o projeto foi oficialmente lançado.   Cada bolsa custa cerca de R$ 15 (Foto: Reprodução/Instagram) Por enquanto, apenas Almeida e o irmão, André de Paula, ajudam na confecção e venda das bolsas.  Cada uma das bolsas é vendida por cerca de R$ 15 por me

Inspiração do Ano

Imagem
Para empreender você precisa estar disposto! Disposto a abrir mão de alguns finais de semana e, talvez, algumas férias; disposto a virar noites elaborando processos; disposto a participar de palestras, encontros, congressos e eventos que promovam um grande Networking; disposto a encontrar soluções acessíveis para os clientes e com poucos recursos para a empresa. Enfim, é preciso estar disposto a empreender, a botar a mão na massa e FAZER acontecer, afinal, é você quem determina o sucesso ou o fracasso do seu negócio. Para empreender você precisa de VOCÊ. Íntegro, paciente, motivado, corajoso e, acima de tudo, DISPOSTO! Portanto, empreender não é para quem quer apenas ter um cargo ‘bonito’ ou não ter que responder ao chefe, muito pelo contrário, empreender é fazer e responder a muitos chefes que também estão dispostos a conhecer o seu negócio e decidir se vão ou não adquirir o seu produto/serviço. Experimente! Mas mergulhe de corpo, alma e coração. O resultado, meu amigo,

Que venha #2020

Imagem